Câmara de conciliação e mediação



Em 2012, depois de implantar o PACET (Posto extra-processual do Trabalhador) e dando continuidade ao trabalho de mediadores judiciais voluntários, os sócios fundadores da Mediata Marcos Bhem Miguel Aguiar e Jussara Rodrigues Sartini resolveram atuar também de maneira privada, no recém mercado da conciliação e mediação.

Assim aconteceu a fundação da Mediata, em 12 de outubro de 2012. Temos certeza que os conflitos podem e devem serem negociados pelos próprios envolvidos, com auxílio do 3º neutro, imparcial, que não julga o conflito, já que não é juiz. Esse é o conciliador(a) ou o mediador(a).

Só depois dessa tentativa de composição, e se não houver outra maneira, os envolvidos podem optar pelo processo judicial. Desde 2014 a Lei da Mediação e o Novo Código de Processo Civil de 2015 garantem esse privilégio as partes.

Acreditamos que as pessoas tem condições por si mesmas de resolverem de maneira autônoma seus conflitos, com auxilio de conciliadores e mediadores judiciais ou privados. O instituto da mediação trabalha com o re-estabelecimento da comunicação.


Por isso se você tem algum conflito procure por nossos serviços para uma conversa sigilosa e sem compromisso.


Atendemos casos cíveis e de família, com divórcios, guarda de filhos, visitação e partilha de bens, sempre com muito sigilo, eficácia, satisfação de todos os envolvidos, de maneira bastante rápida. Nossos acordos são homologados, pois nossos conciliadores e mediadores são todos nomeados pelo Tribunal de Justiça de São Paulo e de outros Estados de nossa Federação.


Mediadores:


Jussara Rodrigues Sartini - mediadora especializada em casos de família, societários, empresariais;


Guilherme Bertipaglia - negociador empresarial e mediador de conflitos empresarias;


Cristiano De Souza - mediador especializado em condomínios;


Cristiane Sabino Spina - advogada e mediadora de conflitos com especialização em mediação escolar;


Maria Regina Bianco Dourado - procuradora municipal aposentada e mediadora de conflito;


Raimunda Da Paz;

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Ser Mediador

Ser mediador de conflitos é ser humano com outro Ser Humano. É gostar de pessoas, de ouvir com paciência e cuidado o outro. Ouvir é uma arte que o medidor deve dominar, garante um procedimento tranqui

Workshop

"Workshop de Mediação Escolar e Círculos Restaurativos" O objetivo deste workshop é apresentar técnicas de mediação que auxiliem os profissionais de educação a lidar com os conflitos escolares. ​ Como

Drogas nos condomínios, ações e possíveis soluções

Escrito por Jussara Rodrigues Sartini Nas áreas comuns do condomínio, a responsabilidade pela boa convivência e bem-estar de todos depende das normas regulamentadas na Convenção e, sobretudo, às leis